O candidato a vereador de Presidente Figueiredo, Antônio Mesquita (Solidariedade), está dando o que falar. Ele teve apenas um voto, mas afirma em vídeo que foi roubado. E pede que apareça o voto que recebeu da mãe.

“Infelizmente, houve fraude. Não tem para onde correr. (…) Muita gente chega comigo e conta que houve vírus. A desculpa que eles estão dando para a população é que houve vírus nas urnas eletrônicas. Mais um motivo para cancelar essa eleição”, afirmou.  “Nós não podemos aceitar o que está acontecendo aqui no município. Estamos fazendo um movimento grande, está vindo gente do interior porque ninguém aceita, a população está revoltada, nós estamos segurando a população para não fazer besteira”, disse.

“Eu tinha muito voto. Até minha mãe votou em mim. Pra onde foi o voto da minha mãe? Se preciso ir pra Brasília, nós vamos.”