Urgente usuários: Unimed em crise perde o Hospital Santa Júlia e Prontocord - Portal CM7 - Notícias de Manaus e Amazonas
Manaus - Amazonas - 10:36
25 de Junho de 2019

Topo


Urgente usuários: Unimed em crise perde o Hospital Santa Júlia e Prontocord


Manaus – A parceria entre a Unimed e o Hospital Santa Júlia, iniciou no dia 1º de abril, a parceria foi encerrada hoje (7) em comunicado enviado aos clientes do hospital. “Comunicamos que, a partir das 12h do dia 08/05/2019, o contrato com a Unimed estará suspenso até segunda ordem”, diz nota. O rompimento, unilateral, teria sido motivado pela falta de pagamento do aluguel.

E várias cláusulas contratuais não vinham sendo cumpridas. A nota do Santa Júlia deixa no ar a possibilidade de que o acordo venha a ser retomado.  Hospitais fechados A Unimed, por conta do contrato feito com o Santa Júlia, fechou o hospital e pronto-socorro alugado da Universidade Uninilton Lins. Também abandonou, sem maiores explicações aos proprietários, o hospital Prontocord, no Boulevard Amazonas. As duas únicas unidade de atendimento mantidas pelo plano são próprias. Trata-se do Hospital e Maternidade Unimed (HMU) e do Hospital Infantil Unimed, ambos na avenida Constantino Nery.

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) chegou a exigir a venda da carteira de clientes. Depois de medida liminar, na Justiça Federal, para suspender a data limite para o negócio, a Unimed conseguiu reverter a venda. A ANS concedeu novo prazo para a recuperação econômica do plano de saúde. Quando começou a crise, em 2016, a Unimed tinha 140 mil usuários. Chegou a ter, no auge, cerca de 250 mil.

A diretoria da Unimed está em reunião e promete uma resposta, ainda hoje à noite. Veja a nota do Santa Júlia:

O Portal CM7 vem a anos falando da queda e falência da UNIMED Manaus com provas documentais da própria ANS.

 

Gostou deste post?

Média / 5. Avaliações:

Deixe seu like:

FAÇA SEU COMENTÁRIO SOBRE ESTA NOTÍCIA