Amazonas – O Tribunal Superior Eleitoral (TSE), distribuiu eletronicamente a assinatura e publicação do acordão, suspendendo em definitivo, o diploma do prefeito cassado Wilton Santos (PSDB). A mensagem foi publicada na quinta-feira, 14, às 17h47 minutos, horário de Brasília.

Wilton perdeu todos os recursos, em todas as instâncias. Democraticamente, o TSE cumpriu o seu papel de não aceitar o último recurso dos advogados de Wilton, tramitando no TSE desde o início do ano.

O TSE tem comunicar o TER, para formalizar a posse do presidente da Câmara Municipal de Novo Airão, e se programe a eleição suplementar.

Encerrada o julgamento no TSE, cabe ao Tribunal Regional Eleitoral (TER-AM) e a Juíza da Comarca de Novo Airão, Silvânia Correa Ferreira afastar imediatamente o prefeito cassado Wilton Santos das funções. Wilton continua despachando e deliberando como se nada estivesse acontecendo.

O presidente do TRE, João Simões fez uma consulta ao ministro Luiz Fux, presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), para realização do pleito, que termina o prazo dia 24 de junho agora, ou durante a eleição geral em outubro ou, depois do recesso do judiciário, de dezembro a janeiro de 2019.

Direito de resposta:

A redação entrou em contato com a assessoria da Prefeitura de Novo Airão através do número (92) 99941-2120, mas não deram nenhum posicionamento. Deixamos o espaço para o direito de resposta.

Conforme a lei 13.188/2015, Art. Aclarando ao ofendido em matéria divulgada o resguardo a direito de resposta.