Oposição: Luiz Castro vai ao TCE-AM contra o aumento da passagem de ônibus - Portal CM7
 
Manaus, 17 de dezembro 24 ºC Tempestades
Mercado financeiro
DólarR$ 0 0%
EuroR$ 0 0%
 
 
Home / Últimas Notícias / Cidades / Oposição: Luiz Castro vai ao TCE-AM contra o aumento da passagem de ônibus

Oposição: Luiz Castro vai ao TCE-AM contra o aumento da passagem de ônibus

Da redação | 24/02/2017 17:29
O deputado estadual Luiz Castro (Rede) entrou hoje (24) com representação no Tribunal de Contas do Estado (TCE-AM) para que o órgão realize, de forma emergencial, medidas judiciais para impedir o aumento da passagem de ônibus, em Manaus.

 
O documento requer, em caráter de urgência, a sustação dos contratos das empresas concessionárias do transporte público para impedir o acréscimo na tarifa, que passará de R$ 3,30 para R$ 3,80 neste sábado (25). 
 
Na opinião de Luiz Castro, o mais importante é buscar os caminhos para resolver o problema. Ele apontou como soluções de curto prazo que a Justiça e o TCE-AM determinem a suspenção do aumento à prefeitura de Manaus.
 
Também é necessário que o governo mantenha a subvenção ao transporte coletivo até que uma auditoria seja realizada e concluída. O terceiro caminho é o da mediação política para que vereadores e deputados convençam governador e prefeito conversarem entre si. 
 
“Se Arthur Neto e José Melo têm problemas políticos e não gostam um do outro, não nos interessa. Ambos têm responsabilidade, foram eleitos pela população e precisam encontrar uma solução que não penalize tanto a sociedade como esse aumento absurdo”, assinalou Luiz Castro.
 
A representação protocolada no Tribunal solicita ainda uma auditoria dos contratos, planilhas e demais documentos administrativos para regularizar os contratos e propiciar a transparência das planilhas de custo do transporte coletivo.
 
“Também queremos que o TCE-AM proceda um estudo técnico do custo da tarifa de ônibus  em razão dos subsídios e incentivos concedidos pelo Poder Público Municipal e Estadual, durante todos esses anos”, afirmou Luiz Castro.
 
O documento foi assinado também pelo deputado José Ricardo (PT), a porta-voz da Rede Sustentabilidade, Camila Suzan, e a coordenadora social da Associação das Donas de Casa do Estado do Amazonas (Adcea), Bete Maciel.
 
Audiência pública
 
Luiz Castro participou de audiência pública sobre o tema na Câmara Municipal de Manaus (CMM). Da Tribuna, ele ressaltou a necessidade de diálogo entre os gestores municipal e estadual.
 
“Em uma cidade com mais de 267 mil pessoas desempregadas, onde há um arrocho salarial imenso e diante uma inflação de 14% nos últimos dois anos, o manauara não suporta pagar um aumento de transporte como esse, ainda mais de colocado de maneira abrupta. O governador e o prefeito precisam sair de seu pedestal e conversar, pelo bem da população que os elegeu”, finalizou o deputado.
{{post.date}}

 


Anuncie em Nossas Pesquisas
Anuncie em Nossas Pesquisas

FAÇA SEU COMENTÁRIO SOBRE ESTA NOTÍCIA