Manaus – Na próxima segunda-feira (25) o MPF (Ministério Público Federal) concederá uma entrevista coletiva na sede do órgão para apresentar uma lista de novos nomes que serão denunciados na operação “Cashback”, desdobramento da operação “Maus Caminhos”, que desviou R$200 Milhões da saúde do Estado.

O procurador da república Alexandre Jabour é responsável pelas investigações da operação “Maus Caminhos” e dará mais informações somente na segunda-feira.

A operação “Cashback”, investiga uma quadrilha suspeita de desviar recursos públicos destinados à saúde no Amazonas. A ação é um desdobramento das operação Maus Caminhos, que prendeu o ex-governador José Melo e ex-secretários de saúde, em dezembro de 2017. Segundo a PF, os desvios chegam a pelo menos R$ 500 milhões.

O grupo teria ligação com o empresário e médico Mohamed Mustafá – dono de uma cooperativa de saúde e apontado como chefe esquema. Conforme a investigação, Mustafá ganhava licitações para prestar serviços em troca de pagamento de propina a políticos e funcionários públicos.

Com Informações da Assessoria

Saiba mais

Maus Caminhos: Melo e Edilene poderão fazer delação premiada e já tem gente desesperada com medo da prisão.