Manaus – A Justiça condenou a socialite Marcelaine Schumman a pagar integralmente R$ 40 mil por danos morais para a bacharel em Direito Denise Almeida, vítima de uma tentativa de homicídio no fim de 2014. A decisão foi dada pela 6ª Vara Cível e de Acidentes de Trabalho, que estipulou ainda o pagamento de 10% sobre o montante condenatório, referentes às custas e honorários.

Na decisão, deferida em julho deste ano, o juiz Diógenes Vidal Pessoa Neto afirma que “a necessidade de reparação dos danos é obrigatória e não mera faculdade, sobretudo porque a sentença penal condenatória faz coisa julgada no cível”.

A defesa de Denise ajuizou a ação em fevereiro deste ano e pedia, inicialmente, o pagamento de R$ 68.662,73. O montante é referente aos danos morais, juntamente com o valor atualizado da indenização fixada pela Justiça no dia do julgamento da socialite, que era de R$ 7 mil.

O magistrado indeferiu o pedido, pois o considerou como “intempestivo” e condenou a socialite a pagar R$ 40 mil por danos morais, valor que terá acréscimo de juros de mora, a contar do dia do crime, e correção monetária a partir da decisão. Com informações do G1