IML confirma morte de aviador da FAB após corpo ser achado no Rio Negro

Por jornalista6 em 6 de julho de 2018 às 10:35 | Atualizado 6 de julho de 2018 às 10:35

Manaus – Um odontograma realizado no início da madrugada desta sexta-feira, 6, no Instituto Médico Legal (IML) em Manaus, confirmou a morte do aviador da Força Aérea Brasileira (FAB), Gabriel Ferreira, de 25 anos. Ele estava desaparecido desde o dia 2 de julho. O corpo foi encontrado por bombeiros no Rio Negro.

De acordo com o IML, além do exame na arcada dentária, foi realizada necropsia. O resultado apontou politrauma em consequência de queda como a causa da morte.

O desaparecimento do aviador era investigado pela Delegacia Especializada de Ordem Política e Social (Deops).

De acordo com o Corpo de Bombeiros, familiares fizeram o reconhecimento do corpo no Pelotão Fluvial, localizado na Manaus Moderna, Zona Centro-sul, após o resgate na tarde da quinta-feira, 5.

Segundo a polícia, o corpo foi liberado e será levado para o interior de São Paulo.

G1

Deixe seu comentário