Por: Secretaria Municipal de Comunicação
conteúdo de responsabilidade do anunciante
Se existem protocolos de saúde que estão em nossas mãos, cabe a nós
conservá-los: seja por responsabilidade com o nosso bem-estar ou com os
demais a nossa volta. A vacinação é um desses procedimentos e pode
salvar muitas vidas.
O sarampo é uma doença que podemos evitar, basta garantir o esquema
completo de cobertura vacinal de três doses para crianças com até 15
meses de idade; duas doses para crianças e adultos de 1 a 29 anos e uma
dose para quem tem de 30 a 49 anos.
A vacina contra o sarampo é a única maneira de prevenir a doença. Por
isso, neste sábado, 14/3, a Prefeitura de Manaus fará uma grande
mobilização, com a intensificação da vacina em 40 Unidades Básicas de
Saúde (UBSs), distribuídas em todas as zonas de Manaus, que estarão
abertas para receber a população.
Vale ressaltar que além deste dia, durante todo o ano é possível receber a
vacina nas unidades de saúde para a faixa-etária de seis meses a 49 anos.
Basta escolher a mais próxima de você, acessando:
https://semsa.manaus.am.gov.br/localizacao-das-unidades-de-saude/. São
183 salas de vacina que disponibilizam a dose de forma gratuita em
Manaus. Se você tem o cartão de vacinação é importante levá-lo.
Quem ainda não garantiu a imunização ou não completou o esquema
vacinal, mantém o risco de transmissão da doença e coloca em cheque a
saúde daqueles que ama.
O sarampo é uma doença infecciosa aguda, altamente contagiosa e afeta,
principalmente, crianças. A transmissão ocorre por meio de secreções ao
tossir, espirrar ou falar. Crianças desnutridas e menores de 1 ano de idade
podem ter complicações mais graves. E vale reforçar: o sarampo é uma
doença grave e pode se contraído por pessoas de qualquer idade, podendo
causar a morte.
Os sintomas principais são febre acompanhada de tosse, irritação nos
olhos, nariz escorrendo ou entupido e mal-estar intenso, além de manchas
vermelhas no corpo.
As complicações pelo sarampo incluem cegueira, diarreia grave, encefalite,

infecções no ouvido e infecções respiratórias graves, como pneumonia,
podendo levar a óbito.
Além da tríplice viral, que imuniza contra sarampo, caxumba e rubéola, a
intensificação, organizada pela Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), vai
oferecer outras vacinas, incluindo a imunização contra febre amarela e o
Papiloma Vírus Humano (HPV), que é o principal causador do câncer de
colo de útero.
Não deixe um vírus derrubar você. Proteja-se e garanta sua proteção!