Manaus- Na noite desta terça-feira (24) o empresário Geraldo Sávio, de 49 anos que era portador de hipertensão arterial sistêmica, era fumante e já possuía problemas respiratório agudo, faleceu .

No último domingo, ele sofreu uma parada cardiorrespiratória, mas foi prontamente socorrido e estabilizado, sendo acompanhado pela equipe médica na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Delphina.

Ele veio do município de Parintins, para Manaus em UTI aérea e foi internado no HPS Delphina Aziz no último sábado (21/03), com quadro de insuficiência respiratória com grave comprometimento pulmonar.

Nesta terça-feira, o paciente apresentou parada cardio-pulmonar, instabilidade hemodinâmica e nova parada cardiorrespiratória. A equipe procedeu manobras de ressuscitação, contudo o paciente não resistiu veio óbito no início da noite.

O paciente não morreu somente pela infecção do Corona Vírus, ele já possuía um quadro de doenças e que o fato de contrair o vírus só fez agravar ainda mais. Estava no grupo de risco e os cuidados com sua saúde deveria ter sido muito mais eficaz.

O isolamento para pessoas com problemas de saúde e idoso deverá continuar com mais rigor.

As pessoas sem sintomas e sem pertencer aos grupos de riscos não irão contrair o vírus se tomar cuidados com a higiene. 

Tags: , ,