Meningite - Topo Postagem

Diretor de escola é suspeito de abuso sexual contra alunas deficientes auditivas, em Manaus

Manaus- O Ministério Público do Estado do Amazonas (MP-AM) investiga denúncia de suposto abuso sexual contra alunos e mães que teria sido cometido pelo diretor Helivan Pinheiro Dantas do Complexo Municipal de Educação Especial André Vidal de Araújo.

Em março pais de alunos de um colégio localizado no bairro Parque Dez, na Zona Centro-Sul de Manaus fizeram a denúncia.

O relato foi encaminhado para a 55ª Promotoria de Justiça Especializada na Proteção dos Direitos Humanos à Educação. Uma vítima, que não quis ser identificada, informou que teria sido alvo de assédios e até mesmo de ameaças e agressão feitas supostamente pelo diretor, quando ameaçou denunciar o crime para as autoridades.

O diretor teria sido flagrado apalpando os seios de uma aluna com deficiência auditiva. Ele também é suspeito de desviar merenda e prejudicar as refeições das crianças, que passariam semanas com uma dieta pobre.

O MP informou que foi instaurado um processo investigativo que está sobre sigilo, por envolver possível crime de abuso sexual cometido contra alunos.

A Semed encaminhou a documentação solicitada pelo órgão fiscalizador. Quanto à denúncia de abuso, o MP afirmou que posteriormente decidiria quais procedimentos deveriam ser adotados pela secretaria. O órgão disse ainda que, no final de junho, o MP encaminhou novo ofício, apenas referente à denúncia de abuso, que gerou o processo 2017.4114.4147.06015 na secretaria. Na ação, não há indicação de vítima pelo MP, mas sim um denunciante anônimo que relatou ter conhecimento do fato. Por conta disso, a Semed já iniciou os trâmites para apuração e averiguação de instauração de sindicância.

ver mais notícias