Amazonas – Primeiro foi o Ariaú Towers, depois o Tropical Hotel Manaus e agora o Amazon Golf Resort que fecham as portas no Amazonas, atingidos por crises financeiras e má gestão.

Segundo o sito do Jornalista Hilel Levy, o Blog do Hiel Levy, a 20ª Vara Cível e de Acidentes de Trabalho está anunciando para o dia 23 de agosto, às 10 horas, o leilão do Amazon Gol Resort, luxuoso hotel construído no quilômetro 64 da rodovia AM-010 (Manaus-Itacoatiara), no município de Rio Preto da Eva. O Resort foi construído, segundo o site, com financiamento da Agência de Fomento do Amazonas (Afeam). Até hoje a operação, que beneficiou o grupo Guerreiro, não foi muito bem esclarecida.
‘O valor pedido pelo empreendimento de luxo, que inclui apartamentos, campo de golf e todas as demais dependências, é de R$ 80 milhões. O blog ouviu corretores que trabalham com grandes imóveis hoje e todos foram unânimes em dizer que ninguém vai se atrever a topar o negócio, nem mesmo investidores estrangeiros’, prossegue o site. A falta de investimento no Turismo pode ser uma das causas e o reflexo é a falência, devido a baixa frequência de turistas estrangeiros. O Amazonas não tem disponível a média de turistas que visitam a cidade nas grandes temporadas de férias.