Agora é oficial: proibida a venda de sacolas plásticas em comércios de Manaus

Por Letícia Souza em 14 de outubro de 2021 às 17:45 | Atualizado 14 de outubro de 2021 às 17:45

Manaus – A lei que determinava a cobrança de sacolas plásticas em estabelecimentos comerciais foi oficialmente revogada nesta quinta-feira (14). O anúncio foi publicado no Diário Oficial do Município (DOM) de Manaus.

O Projeto de Lei n. 485/2021, de autoria dos deputados Fransuá (PV) e Glória Carrate (PL), chegou a entrar em vigor na capital amazonense no dia 30 de setembro, mas foi alvo de críticas sumárias que levaram à alteração da medida.

Leia sanção do prefeito David Almeida:

Diante disso, fica definido que supermercados devam disponibilizar sacolas retornáveis aos consumidores, além de ser proibida a venda das mesmas.

Leia mais:

Glória Carrate cria Lei que prejudica os menos favorecidos e viabiliza formação de cartel para empresários

Glória Carrate é derrotada pela vontade do povo e sacolas plásticas voltam a ser gratuitas em Manaus

Após fracasso no projeto das sacolas, Glória Carrate tenta se reerguer como a ‘tia da sopa’

Deixe seu comentário