Brasil – Alguns meses antes da pandemia ser destaque no mundo, o mal do século era o suicídio.

Especialistas da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), em Manaus, opinam que com crescimento das redes sociais, o suicídio aumentou.

Caso que repercutiu no país

Uma jovem de 17 anos gravou um vídeo se despedindo da família e pulou de uma passarela.

https://www.instagram.com/tv/B40dZQNlb84/?utm_source=ig_embed

O fato ocorreu em 2018 e acabou se tornando campanha contra o suicídio.

No vídeo a jovem aparece possivelmente embriagada, ela fala da família inteira em destaque de seu próprio pai.

A jovem foi socorrida e conduzida para o Hospital Estadual, onde o médico constou uma fratura na perna esquerda, escoriações na perna direita e na lombar, sem risco de morte.