Meningite - Topo Postagem

Pais denunciam vídeos com heróis infantis em tramas adultas

#Elsagate é o nome de um movimento iniciado por pais preocupados com versões piratas de personagens infantis que circulam no YouTube. A protagonista de “Frozen”, que dá nome à campanha, não é a única, no entanto, a ser reproduzida em situações sexualizadas ou de violência. Homem-Aranha, Malévola, Mickey Mouse e Coringa são outros que estão nas animações.

Como os personagens estão “deslocados” de faixa etária nas imagens, alguns pais relatam, em vários países, comportamentos anormais nos filhos. A mineira Sabrine da Silva contou ao jornal O Globo que o filho Nicolas, de 3 anos, “abaixava a bermuda, pegava alguma boneca ou urso, deitava e colocava em cima do corpo dele.

Comecei a perguntar onde ele tinha visto isso, e ele não falava nada. Um tempo depois, ele começou a dar soco, chutar, ficou bem violento”. O motivo só foi descoberto após análise do histórico de reproduções do YouTube.

Mãe de Rafaela, de 4 anos, a manicure Giulianna Giumaraes relata que a filha via os vídeos enquanto ela achava que via “Frozen”. “Depois vi que, de”Frozen”, o vídeo só tinha a música e a personagem. Mas mostrava ela grávida tendo bebê, beijando o Homem-Aranha”, denunciou. Titular da Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática (DRCI), a delegada Daniela Terra informou ao jornal que os vídeos estão sendo analisados. 

Fonte Um minuto

ver mais notícias