Uma mulher de 59 anos foi espancada com uma enxada e levada em estado grave para um hospital na cidade de Timóteo, no Vale do Rio Doce, na madrugada deste sábado (20). O principal suspeito das agressões é o próprio filho da mulher, que estaria revoltado com o fato da mãe não lhe dar dinheiro para comprar drogas.

De acordo com a Polícia Militar, a ocorrência foi registrada na rua Quatro, no bairro Alegre. Por volta das 4h, testemunhas acionaram os militares alegando que ouviram uma confusão na residência da mulher. Chegando ao local, os militares se depararam com Maria da Penha Silva caída no jardim da casa. Os militares também encontraram uma enxada, que teria sido usada nas agressões.

Uma ambulância do Corpo de Bombeiros foi acionada para socorrer a mulher. De acordo com testemunhas o filho dela, um homem de 29 anos, seria o responsável pelas agressões.

A mulher teve o rosto desfigurado, sofreu uma fratura exposta no braço esquerdo, teve traumatismo crânio-encefálico e uma fratura na coluna. Ela foi socorrida em estado grave para um hospital da cidade. Segundo o boletim, a mulher encontra-se internada, inconsciente e em estado grave.

Após as agressões o autor do crime fugiu do local em uma bicicleta. Testemunhas disseram que ele foi visto em uma padaria da região por volta das 6h. Um familiar contou aos policiais que o rapaz é usuário de drogas e que não é a primeira vez que ele agride a mãe. Segundo o relato, ele ameaçava a genitora constantemente por dinheiro para manter o vício.