Um homem, de 48 anos, está sendo procurado pela Polícia Militar sob suspeita de ter agredido a companheira, de 59 anos, após ela pedir separação. Luiz Mario Reginaldo teria espancado a vítima a pauladas e tentado asfixiá-la com um travesseiro.

O caso ocorreu no município de José Raydan, na Região Leste de Minas na madrugada dessa quarta-feira (4). A polícia foi acionada após as agressões. Os militares relataram que a mulher recebeu a assistência de vizinhos, que a encaminharam ao hospital posteriormente.

Os moradores foram avisados pelo genro da vítima que ela havia entrado em contato com ele para pedir ajuda. Como o familiar não mora na cidade, ele pediu para que os vizinhos fossem até a residência da mulher. Chegando ao local, as testemunhas ouviram os gritos de socorro da mulher, arrombaram a porta e a viram ferida.

A polícia também foi acionada e encontrou marcas de sangue nos cômodos da residência e um travesseiro que pode ter sido usado para sufocar a vítima. O homem fugiu após as agressões e não foi localizado.

A mulher apresentou uma fratura no braço e diversos hematomas pelo corpo. A polícia tenta localizar Luiz Mario, que pode estar escondido na zona rural do município.