Ministério da Saúde lança concurso com salário de até R$ 6,2 mil no Amazonas com apenas 75 vagas - Portal CM7
 
Manaus, 14 de dezembro 25 ºC Tempestades isoladas
Mercado financeiro
DólarR$ 3,3361 0,61%
EuroR$ 3,9455 0,8%
 
 
Home / Últimas Notícias / Brasil / Ministério da Saúde lança concurso com salário de até R$ 6,2 mil no Amazonas com apenas 75 vagas

Ministério da Saúde lança concurso com salário de até R$ 6,2 mil no Amazonas com apenas 75 vagas

Da redação | 28/11/2016 13:42

O Ministério da Saúde lançou concurso público nacional com 102 vagas, sendo 21 vagas para o Amazonas. O edital foi publicado no Diário Oficial da União (DOU) nesta segunda-feira (28). As oportunidades são para nível superior com atuação nos Distritos Sanitários Especiais Indígenas (DSEIs). Os salários, com auxílio alimentação, chegam a R$ 6.202,88 mil.

O concurso é para provimento de 102 vagas e formação de cadastro reserva em cargos da Carreira de Previdência, Saúde e Trabalho e da Carreira de Desenvolvimento de Políticas Sociais do quadro do Ministério da Saúde, para exercício e lotação nos Distritos Sanitários Especiais Indígenas que compõem a Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai).

Foram disponibilizadas 102 vagas para administrador, analista técnico de políticas sociais e contador em todo o país. A maioria (75 vagas) é para ampla concorrência, seis para pessoas com deficiências e 21 para negros.

Para o Amazonas, há 21 vagas, sendo sete para administrador, sete para contador e sete analista técnico. As vagas estão distribuídas para atuação nos DSEIs situados em sete municípios: Atalaia do Norte, Lábrea, Parintins, Manaus, São Gabriel da Cachoeira, Tabatinga e Tefé.

A carga horária de todos os cargos será de 40 horas semanais. A remuneração inicial (vencimento básico e 80 pontos da Gratificação de Desempenho) para administrador e contador será de R$ 4.784,27. O analista técnico de políticas sociais terá salário de R$ 5.744,88. Todos os cargos terão direito ainda a auxílio alimentação de R$ 458,00.

Os candidatos às vagas de administrador terão que ter diploma de curso de nível superior em Administração, realizado em instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação, e registro profissional no órgão de classe competente.

Já para analista é necessário diploma de curso de nível superior, realizado em instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação, e registro profissional no órgão de classe competente, se houver.

A exigência para os candidatos às vagas de contador é diploma de curso de nível superior em Ciências Contábeis, realizado em instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação, e registro profissional no órgão de classe competente.

O concurso público realizado sob a responsabilidade do Instituto de Desenvolvimento Educacional, Cultural e Assistencial Nacional (IDECAN).

O certame consistirá de provas objetivas de múltipla escolha e discursivas para todos os cargos, de caráter eliminatório e classificatório. Haverá avaliação de títulos somente para o cargo de analista técnico de políticas sociais, de caráter apenas classificatório.

As fases do concurso público serão realizadas nas 27 capitais do Brasil, devendo o candidato optar pela cidade onde deseja realizar as provas no ato da inscrição. Segundo o edital, o candidato poderá optar em concorrer por um DSEI e por realizar as provas em outra unidade da federação, diferente da unidade onde deseja concorrer, não havendo vínculo entre local de provas e opção de concorrência.

As inscrições devem ser feitas somente via internet: de 14h do dia 5 de dezembro de 2016 às 23h59 do dia 5 de janeiro de 2017, no site www.idecan.org.br. O horário de início e término das inscrições é o de Brasília. A taxa de inscrição para todos os cargos será de R$ 67. Será permitida ao candidato a realização de mais de uma inscrição no concurso para cargos e turnos distintos.

As provas serão aplicadas em dois horários no dia 19 de fevereiro de 2017. Pela manhã das 9h30min às 13h30 (horário oficial de Brasília/DF) para candidatos que disputam cargos de contador e administrador. Já à tarde, das 15h às 19h (horário de Brasília) para o cargo de analista técnico de políticas sociais.

{{post.date}}

 


Anuncie em Nossas Pesquisas
Anuncie em Nossas Pesquisas

FAÇA SEU COMENTÁRIO SOBRE ESTA NOTÍCIA