Mário Cristian Vaz Silveira, 34, foi preso em flagrante na madrugada desta terça-feira, 14, sob a acusação de ter matado a facadas sua mulher, Vanessa Gomes Santana, 26. Ele foi capturado após deixá-la, ainda viva, no hospital.

De acordo com a Polícia Civil, o segurança do hospital achou estranho o suspeito ter saído do hospital, deixando sua mulher sozinha, então ele comunicou dois policiais que estavam passando pelo local e deu as características do homem. A polícia encontrou o suspeito pouco depois, Mário confessou que esfaqueou a companheira dunrante uma briga.

Em depoimento, o suspeito afirmou que estava sob efeito de álcool e drogas enquanto discutia com a esposa e no ‘momento de raiva’ a atingiu com várias facadas.

Mário Silveira foi encaminhado para a carceragem do 50º DP (Itaim Paulista) onde vai ficar até ser apresentado em juízo. O caso ocorreu na cidade de Itaquera, São Paulo.