Marcos Valério, operador do Mensalão, fecha delação premiada com a Polícia Federal

O empresário e publicitário Marcos Valério, operador do esquema que ficou conhecido como mensalão, decidiu fechar acordo de delação premiada com a Polícia Federal. As informações são da blog Holofote, da revista Veja, desta quarta-feira (19).

De acordo com a reportagem, o operador deve detalhar o mensalão mineiro. Os dados coletados pelos investigadores teriam sido encaminhados ao Supremo Tribunal Federal (STF) porque o Valério citou políticos que exercem mandatos e, portanto, têm foro privilegiado.

O documento já estaria em poder da presidente do STF, ministra Cármen Lúcia. Ela pode homologar o acordo ou esperar o retorno do recesso do Judiciário para distribuir o caso.

Valério foi transferido na segunda-feira da Penitenciária Nelson Hungria, em Contagem para a Associação de Proteção e Assistências ao Condenado (Apac) de Sete Lagoas (MG). Condenado a 37 anos de prisão, ele alegou correr risco de morte na prisão.

 

Com informações: https://www.noticiasaominuto.com.br/politica/417886/operador-do-mensalao-marcos-valerio-fecha-delacao-premiada

ver mais notícias