Campo Grande – Na última segunda-feira, 18, Luzia Antunes, 20, que estava grávida, foi assassinada com um corte na garganta profundo, o principal suspeito é um comerciante da região de Sapucaia, Campo Grande, ele seria o pai da criança e não aceitava a gravidez.

De acordo com os familiares da vítima, ela teria saído da casa da irmã no final da tarde de domingo (17,) a bordo de um veículo conduzido por um desconhecido. A vítima disse que iria tomar açaí e, desde então, não foi mais vista.

O corpo de Luzia foi encontrado no fim da manhã do último domingo, 17, em um salão de festas abandonado. Ainda de acordo com a polícia, Luzia estava sendo ameaçada por três pessoas. A Polícia investiga o caso, e a suspeita é que o homem tenha oferecido uma quantia de R$ 4 mil para que ela fizesse um aborto, mas ela não aceitou.

Com informações do Portal Nova Cruz