Um homem de 30 anos, que estava foragido, suspeito de estuprar a própria filha quando ela tinha apenas 9 anos de idade, foi preso em cumprimento a um mandado de prisão, nesta última quinta-feira (26), em Macapá, no Amapá.

A violência sexual teria acontecido várias vezes, quando eles ainda moravam em uma comunidade próximo a Breves, no interior do Pará.

Segundo apurações do Sistema Globo, a mãe da vítima percebeu que a filha estava agindo de forma estranha e, após insistir, a criança, que hoje é uma adolescente de 12 anos, revelou os crimes que ocorriam em momentos que o pai ficava a sós com ela.

“Cumprimos o mandado de prisão do acusado, que fugiu de Breves e estava morando desde o início do ano em Macapá. Estamos diante de um crime cruel, onde o pai estuprou a filha por diversas vezes, e que ameaçou e agrediu a ex-companheira depois que a mesma descobriu”, disse o delegado titular da Delegacia de Crimes Praticados Contra a Criança e o Adolescente (Dercca), Ronaldo Entringe.

O suspeito foi transferido ao Pará por onde será conduzida a investigação.