Brasil – O Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade) 2019 será aplicado neste domingo (24) para avaliar a qualidade de 23 cursos de graduação e seis tecnológicos – incluindo medicina e odontologia. De acordo com o Ministério da Educação (MEC), 434.859 estudantes se inscreveram para participar do teste. As provas começam às 13h30.

O Enade é aplicado para estudantes ingressantes e concluintes dos cursos selecionados. Cada graduação é avaliada de três em três anos. A participação é obrigatória para obter o diploma.

O exame integra o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes) e tem como objetivo avaliar o desempenho dos estudantes sobre conteúdos, habilidades e competências para exercer a profissão.

Confira os horários do Enade 2019:
24 de novembro: provas
12h: portões serão abertos
13h: portões serão fechados
14h30: estudantes podem deixar o local de prova
17h30: horário limite para a realização do exame

Em 2018, apenas 3,3% dos cursos de faculdades privadas e 20,3% da rede pública tiveram conceito máximo no Enade. Na época da divulgação dos resultados, o ministro da Educação, Abraham Weintraub afirmou que os resultados podem estar relacionados ao perfil dos alunos das universidades – vestibulares em instituições públicas tendem a ser mais concorridos – e a uma possível “sabotagem” dos estudantes. Para o ministro, graduandos que acertam só 10% das questões não deveriam se formar. “Não deveria ter o diploma. (…) Eu acho que quem faz 0 a 20% foi sabotar”, afirmou o ministro.

Fonte G1