Recuperado da covid-19, doença causada pelo novo coronavírus, o ministro-general Augusto Heleno (Gabinete de Segurança Institucional) retornou ao trabalho nesta 4ª feira (25.mar.2020). Ele já está no Palácio do Planalto, sede do Poder Executivo.

Heleno estava afastado desde a viagem oficial aos Estados Unidos nos dias 7 a 10 de março. Ao voltar para o Brasil, fez o teste para a covid-19 e deu positivo. Desde então manteve-se em isolamento domiciliar.

De acordo com relatos de interlocutores, o general ficou bem disposto durante o período de reclusão. O próprio presidente Jair Bolsonaro chegou a dizer numa entrevista que conversou com o ministro, que teria relatado ter feito 50 minutos de bicicleta em casa.

Diversos integrantes da comitiva presidencial que viajou aos EUA contrairam a doença. O 1º a ser oficialmente diagnosticado foi o secretário especial de Comunicação Social, Fabio Wajngarten, que ainda não anunciou seu retorno ao trabalho.

O próprio presidente Jair Bolsonaro chegou a fazer 2 testes para ver se tinha sido contaminado. De acordo com ele, ambos deram resultado negativo para covid-19. Os exames não foram divulgados.

O HFA (Hospital das Forças Armadas), que fez o teste de Bolsonaro, omitiu 2 resultados de exames do governo do Distrito Federal, segundo reportagem publicada nesta 3ª feira (24.mar). Ao todo, 17 pessoas foram diagnosticadas pela instituição, sendo que apenas 15 tiveram nome informado.

Fonte Poder 360

Tags: ,