Manaus 27º
sexta-feira - 20 de maio de 2022

Casal morre após dormir com churrasqueira no quarto para se aquecer do frio no Centro-Sul do Brasil

Compartilhe
Casal morre após dormir com churrasqueira no quarto para se aquecer do frio

Brasil – Um casal foi encontrado morto nesta quinta-feira (19) em Nova Ponte, a 472 km de Belo Horizonte, após dormir com uma churrasqueira ligada no quarto para se aquecer.

A polícia acredita que Edwin Luisi de Medeiros Silva, de 40 anos, e Silvana Vieira da Silva, de 39, morreram intoxicados. Eles fecharam a janela e a porta do quarto. A temperatura chegou a 3ºC na cidade.

Um cunhado de Silvana contou que a filha do casal, de 14 anos, ouviu o barulho de alguém caindo por volta de 0h e somente por volta das 3h – quando o irmão, de 9 anos, acordou e pediu remédio para dor de cabeça – é que ela foi até o quarto dos pais. A filha encontrou a mãe imóvel na cama e o pai caído no chão.

A adolescente chamou a Polícia Militar e o Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), que tentaram reanimar o casal mas não tiveram sucesso. No quarto das crianças havia uma bandeja com carvão, mas os dois passam bem.

A Polícia Civil esteve no local, realizou perícia e acredita que o casal morreu por intoxicação. As vítimas inalaram dióxido de carbono, gás tóxico que sai do carvão e não tem cor nem cheiro. Os corpos foram para o IML (Instituto Médico-Legal), onde a causa da morte será confirmada.

Por que está tão frio no Centro-Sul do Brasil ?

A pergunta não sai da cabeça da população que se deparou no início da semana com a notícia da chegada de um frio fora de época em todo o país. Na terça-feira (17), o ciclone Yakecan, que em tupi-guarani significa “som do céu”, chegou à Região Sul, atingindo primeiramente o Rio Grande do Sul e Santa Catarina.

Os dois estados foram os mais atingidos por tempestades e rajadas de ventos fortes que ultrapassaram 100Km. A expectativa de um desastre semelhante ao furacão Catarina, de 2004, não se confirmou, mas o fenômeno contribuiu para intensificar os efeitos de uma massa de ar polar. Os ventos do ciclone, que são centros de baixa pressão formados por divergências de ar na atmosfera, contribuem para aumentar a sensação térmica em temperaturas baixas.

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) aponta que 17 estados em todas as regiões do país estão em zona de “perigo” (o que significa riscos à saúde) devido a quedas de temperatura média que chegaram a cinco graus.

Santa Catarina registrou neve por dois dias seguidos. São Paulo e Rio de Janeiro tiveram as menores temperaturas do ano até agora. Três pessoas morreram com suspeita de hipotermia e mais de 90 foram atendidas em unidades de emergência de SP .

Mas ainda não acabou. O frio está chegando a algumas regiões do Norte e Nordeste do país. A previsão do Inmet é que só a partir da próxima semana o sol volte e as temperaturas comecem a subir gradativamente.

Deixe seu comentário