O presidente Jair Bolsonaro (PSL) voltou a atacar o jornalismo da Globo após ter seu nome ligado ao assassinato da vereadora Marielle Franco (PSOL)  por reportagem divulgada na última semana, sobrando para William Bonner que foi acusado de sonegar imposto de renda. A fala de Bolsonaro contra Bonner foi registrada em vídeo onde o presidente cobra direito de resposta na Globo.

“Se a Globo tiver vergonha na cara, não espera meu processo, concede [direito de resposta]. Estou aguardando dignidade. Eu vi o Bonner falando que é o jornalismo mais sério possível”, disse Bolsonaro.

Depois o presidente revelou o salário do apresentador e o acusou de sonegar impostos. “Lógico, quem ganha R$ 800 mil por mês não pagando imposto de renda como pessoa física, tem que defender a Globo mesmo”, disparou o presidente. 

FOnte TV foco