Anvisa aprova primeiro tratamento para HIV com apenas um comprimido

Por Sthefane Campos em 30 de novembro de 2021 às 10:58 | Atualizado 30 de novembro de 2021 às 10:58

Brasil – A Anvisa, Agencia Nacional de Vigilância Sanitária, aprovou um novo medicamento para o tratamento de pessoas com o vírus HIV – que causa a Aids. Combina duas diferentes substâncias em um único comprimido: Lamivudina e Dolutegravir sódico.

É um avanço por reunir em uma dose diária dois antirretrovirais que não estavam disponíveis.  Além de simplificar, isso pode incentivar mais  pacientes ao tratamento.

A bula diz que o novo medicamento reduz e mantém em um nível baixo a quantidade de HIV no organismo. Também aumenta a contagem das células CD4, tipo de glóbulo branco do sangue que exerce papel importante na manutenção de um sistema imune saudável, ajudando no combate as infecções.

O remédio poderá ser prescrito para o tratamento completo da infecção pelo vírus em adultos e adolescentes acima de 12 anos com pelo menos 40 kg.

O registro foi concedido ao laboratório GlaxoSmithKline que para isso apresentou estudos de eficácia e segurança com dados que sustentam as indicações autorizadas.

*Com informações da Agência Brasil*. 

Deixe seu comentário