Manaus – O detento de alta periculosidade Manoel Júnior Monteiro Bastos de 27 anos, vulgo “Júnior Doido”,  morreu no Hospital Pronto Socorro 28 de Agosto na tarde desta terça-feira (24).

Ele estava foragido do sistema prisional e foi encontrado após denúncias, no conjunto Vila Marinho.

Segundo informações, Manoel lutava ainda contra um câncer no cérebro e morreu horas depois ao dar entrada no hospital.

O detento chegava na casa de um suposto “amigo” quando avistou uma viatura da polícia e decidiu atirar contra ela.

Manoel, foi baleado na rua 5, no bairro Compensa 3, zona oeste.

O foragido do sistema prisional, ainda tentou se esconder em uma residência, mas foi recapturado.