Manaus (AM) – Dois dias após o domingo (15) de votações que decidiu pela realização do 2º turno para a eleição 2020 do novo prefeito de Manaus, começou a viralizar nas redes sociais um documento emitido pelo Portal da Transparência e que afirma um salário de mais de 500 mil reais ao candidato Amazonino Mendes, que na época integrava o Partido Democrático Trabalhista (PDT).

O salário divulgado no valor de R$ 545. 748, 93, é referente a última remuneração pública de Amazonino enquanto atuava como governador do Estado. O documento do Portal da Transparência começou a ser divulgado no último dia 4 de novembro.

Informações confirmadas por auxiliares do ex-governador dão conta de que o altíssimo valor em dinheiro, mais de meio milhão de reais, é relacionado ao salário de dezembro daquele ano somado ainda a uma considerável indenização.