Descubra os mitos e verdades do chá de hibisco - Portal CM7
 
Manaus, 17 de dezembro 27 ºC Tempo nublado
Mercado financeiro
DólarR$ 3,308 -0,85%
EuroR$ 3,8704 -0,12%
 
 
Home / Estilo / Saúde / Descubra os mitos e verdades do chá de hibisco

Descubra os mitos e verdades do chá de hibisco

Ele ajuda na redução do colesterol.

Da redação | 17/11/2017 16:28

Foto: Divulgação

O chá de hibisco, assim como vários outros chás, oferece diversos benefícios para saúde. Ele ajuda a diminuir os impactos negativos de alguns hábitos ruins presentes no nosso dia a dia, mas só surte efeitos relevantes mesmo, quando associado a outros hábitos saudáveis. O chá tem suas origens na África do Norte e do Sudeste da Ásia. Ele é preparado com as partes mais secas da planta e seu sabor é muito parecido com o do cranberry. A parte da planta de hibisco que protege a flor é chamada de cálice é exatamente os cálices secos que são usados para fazer a bebida. O hibisco é utilizado em países africanos há centenas de anos, para regular a temperatura do corpo, tratar doenças cardiovasculares e aliviar os sintomas causados pela inflamação da garganta. Ele também é comumente utilizado no Irã para tratar pressão alta.

Segundo a ciência o uso terapêutico do chá de hibisco ajuda na redução da pressão sanguínea em pessoas consideradas parte do grupo de risco e que apresentavam a pressão um pouco acima do normal. E em 2011 um artigo apontou possíveis benefícios provenientes do uso do chá de hibisco no controle dos níveis de colesterol.

O chá de hibisco não contém calorias nem cafeína e pode ser servido tanto quente como gelado. Lembrando que adicionar mel ou açúcar ao chá, acrescenta calorias e carboidratos (açúcar) desnecessarios.

Os benefícios estão associados a compostos denominados de antocianinas, pigmentos que dão aos frutos a sua cor. As antocianinas atuam como antioxidantes protegendo as nossas celulas contra possíveis danos causados pelo excesso de radicais livres no organismo.

O chá de hibisco não emagrece, mas a ingestão regular desses compostos bioativos chamados de antocianinas, presentes no cha de hibisco, pode resultar em alterações metabólicas positivas, as quais auxiliam indiretamente na perda de peso. Isso ocorre pois as antocianinas ajudam na redução de inflamações, causando melhorias na ação da leptina (hormonio da saciedade). Além disso, elas ajudam no controle da glicemia, dimuindo o acúmulo de gorduras e aumentam a secreção de adiponectina. A adiponectina é a mediadora do efeito “sensibilizador” de insulina.

Não exite milagre, mas o chá ajuda bastante acompanhado de atividades físicas e alimentação saudável, na perca de peso.

Com informações: site UOL

{{post.date}}

 


Anuncie em Nossas Pesquisas
Anuncie em Nossas Pesquisas

FAÇA SEU COMENTÁRIO SOBRE ESTA NOTÍCIA