Guerrero agradece recepção e sonha com títulos no Inter: "Sacrifício é o que posso prometer" - Portal CM7 - Notícias de Manaus e Amazonas


Guerrero agradece recepção e sonha com títulos no Inter: “Sacrifício é o que posso prometer”

Postado por Marcus Barros - 15/08/2018 14:54    

Foto: Tomás Hammes / GloboEsporte.com

Futebol – Por volta das 12h30 desta quarta-feira, Paolo Guerrero entrou na sala de conferências do Estádio Beira-Rio para ser apresentado como novo reforço do Inter com toda pompa. Depois de ser recebido com festa no aeroporto Salgado Filho, falou pela primeira vez na casa colorada. Disse ter presenciado a “maior recepção” da carreira e já sonha com títulos.

Entretanto, o peruano evitou colocar uma meta de gols para a temporada. Como é de seu perfil, garantiu entrega em campo e disputa de cada centímetro de gramado com os zagueiros adversários. Definiu a palavra “sacrifício” como um estilo a seguir em Porto Alegre.

Logo no início da entrevista coletiva de apresentação, após saudações do presidente Marcelo Medeiros, do vice de futebol Roberto Melo e do executivo Rodrigo Caetano, Guerrero vestiu a camisa número 79, em alusão ao tricampeonato brasileiro invicto do Inter. Colocou-se à disposição para atuar o quanto antes. Porém, deu a entender que não deve enfrentar o Paraná no domingo, pela 19ª rodada do Brasileirão.

Na maioria das respostas dadas à imprensa, o centroavante destacou o bom momento vivido pelos colorados no Campeonato Brasileiro, com a terceira colocação e duas vitórias seguidas fora de casa, contra Atlético-MG e Fluminense. Agradeceu a recepção do torcedor com festa no aeroporto. Segundo ele, nunca havia vivenciado um momento como na manhã desta quarta.

Tão logo terminou a entrevista coletiva de apresentação do atacante, ele se encaminhou ao gramado do Beira-Rio. No setor sul das arquibancadas, cerca de cinco mil vozes, gritando a plenos pulmões, aguardavam o novo ídolo. Guerrero foi até o parapeito, distribuiu bolas aos torcedores e atendeu quem pôde.

O centroavante parou para fotos com os fãs, distribuiu autógrafos e sorrisos por cerca de uma hora. Recebeu um bumbo e depois carregou um bandeirão das torcidas organizadas. Até um terço para orações foi entregue ao jogador. Depois da festa no estádio, ele deve seguir ao CT do Parque Gigante para o primeiro contato com os jogadores e o técnico Odair Hellmann.

Fonte: GloboEsporte

Anuncie em Nossas Pesquisas
Anuncie nas Últimas Notícias
 
Aplicativo da Rádio CM7