Ex-jogadora do Braga de Portugal é o novo reforço do Iranduba - Portal CM7 - Notícias de Manaus e Amazonas

Adsense Responsivo

Ex-jogadora do Braga de Portugal é o novo reforço do Iranduba

Postado por Marcus Barros - 02/06/2018 11:00    

Foto Divulgação

Futebol – A ex-meia-campista do Braga de Portugal, Gabi Morais, é o novo reforço do Iranduba da Amazônia para o Brasileirão de Futebol Feminino. Aos 24 anos, a jogadora que passou pelo futsal e seguiu no campo coleciona títulos nacionais e internacionais.

Com sete anos a menina que nasceu em Fortaleza (CE), começou a jogar futebol, tudo ainda de brincadeira, a inspiração veio do pai, que jogava futebol amador e levava a pequena para os campos. Aos 16 anos, a cearense estreou no futebol profissional. De lá pra cá, ela passou por times como: Kindermann (SC), Caucaia (CE), São José (SP), Centro Olímpico (SP), Corinthians (SP) e Braga, em Portugal.

Gabi foi artilheira do Caucaia na Copa do Brasil de Futebol Feminino em 2012. Em 2013, foi convocada para a Seleção Brasileira Sub-20 onde conquistou o Sul-Americano da categoria. O último clube dela no Brasil foi o Corinthians. Antes passou por São José-SP.

Gabi Neymar
Gabi começou no futsal, onde aprendeu a arte do drible curto que deixa as defensoras enlouquecidas. Mas foi nos gramados de Santa Catarina que ganhou o apelido de ‘Gabi Neymar’.

A meia recebeu um convite e foi jogar no Kindermann, de Santa Catarina. O time joga tanto salão quanto futebol de campo. “A gente estava jogando futsal, e eu correndo demais, pra um lado e pro outro e fazendo gol. Daí a gente foi jogar campo. Uma menina me chamou de ‘Gabi Neymar’ e daí pegou”, explica.

A atleta é conhecida do técnico Adilson Galdino. “A primeira convocação dela na sub-20 foi quando estávamos a frente da equipe e ela foi encontrada em uma das seletivas que fazíamos da CBF. Ela me ajudou muito na conquista do Sul-Americano Sub-20”.

Na seleção principal, a primeira experiência dela foi aos 19 anos. Teve a oportunidade de jogar ao lado de Marta e Formiga, contra o Chile. “O técnico havia dito que tinha algo para contar para a gente, mas que só seria depois do jogo. Tudo bem, até aí. Quando acabou o jogo, eu tinha feito uma promessa de atravessar metade do campo de joelhos, caso nós tivéssemos ganhado. Como ganhamos, fui cumprir a minha promessa. Quando voltei, o técnico veio conversar com a gente. Reuniu o grupo e falou: Lembram que eu tinha uma notícia para dar para vocês? Pois é. Hoje eu estou dando uma oportunidade para uma atleta que eu acho que merece estar na seleção principal”, relembrou.

De Portugal à Terra Baré
Agora a meia-campista está de volta ao Brasil e desembarcará em Manaus para vestir a camisa do Iranduba da Amazônia, time que já enfrentou na Arena da Amazônia quando jogava pelo Corinthians. A expectativa de Gabi é dar o melhor ao clube sempre dentro de campo. “A partir de agora é vestir a camisa do Iranduba, fico feliz de estar num time que está confiando em mim, fico feliz com essa confiança e quero que o clube fique tranquilo que eu vou dar o meu melhor”, declarou.

 

Anuncie em Nossas Pesquisas
Anuncie nas Últimas Notícias
 
Aplicativo da Rádio CM7