Amazonas-O município de Boca do Acre, no Amazonas, guarda uma singularidade: as suas imponentes casas de madeira, nas mais variadas cores. Mas, o que também é uma tradição da cidade amazonense é o transporte dessas construções. Sim, é possível mudá-las de lugar sem ser necessário arrancar uma tábua.

Nesta sexta-feira (10), o jornalista Welisson Silva fez o registro fotográfico de uma dessas mudanças. Uma residência aparentando ter entre 6 a 8 metros de largura sendo transportada por um caminhão. Também é possível observar a tranquilidade dos moradores, que seguem no interior da residência mesmo sobre a carroceria.

A cena é tida como comum no município e, geralmente, acontece quando casais se separam e há um acordo entre ambos. Ou mesmo quando há a negociação do imóvel como a compra de um outro terreno em outro ponto da cidade