Manaus – Com a Amazônia no centro da discussão mundial, a Banda dos Integrantes da Confraria do Armando (Bica), bloco carnavalesco mais tradicional de Manaus, decidiu, com a marchinha oficial do carnaval deste ano, levar para as ruas a discussão e alertar para a necessidade de preservar a floresta.

De acordo com Márcia Armando, que faz parte da organização da Bica, o tema foi definido em uma reunião com todos os membros da banda. “Fizemos uma reunião em que foram apresentados vários temas e esse ano escolhemos falar sobre o meio ambiente, que é uma questão importante, e sem deixar de abordar a questão politica que envolve o tema”, explicou.

A marchinha inicia com um recado direto “Não, não mate a mata, por favor”, uma referência à clássica toada do Boi Garantido, “Lamento de Raça”. A irreverência e referências políticas na letra surgem quando a ativista Greta Thunberg é lembrada. “A letra chama a Greta de pirralha, uma clara referência ao presidente Jair Bolsonaro, que chamou ela assim há pouco tempo. Também quisemos brincar com o fato dela se posicionar contra as queimadas na Amazônia e não fazer o mesmo com os incêndios na Austrália”, afirmou Márcia.

Segundo Márcia Armando não é a primeira vez que a Bica utiliza o meio ambiente como tema de uma marchinha que acaba abordando a política como pano de fundo. “Em uma das edições anteriores, falamos sobre o meio ambiente e satirizamos uma declaração do então governador Gilberto Mestrinho sobre a matança de jacarés no interior do Estado. Já aconteceu em vários outros anos de abordarmos temas, que invariavelmente falávamos de política de forma geral, mas não de um ou outro político específico”, explicou a organizadora do tradicional bloco carnavalesco.

Desfile

Neste ano, a Bica vai à rua no dia 15 de fevereiro, sábado magro de carnaval, ao lado do reduto dos “Biqueiros”, o Bar do Armando, na Rua 10 de Julho, Centro de Manaus. “Pretendemos fazer dois ensaios antes da Bica ir à rua, provavelmente no dia 30 de janeiro e 6 de fevereiro, mas não está confirmado ainda”, finalizou Márcia.

Confira a letra da marchinha:

B.I.C.A 2020

NÃO, NÃO MATE A MATA, POR FAVOR
TEM TOCO CRU PEGANDO FOGO PELO CHÃO
NÃO MATE A MATA, NÃO MATE A MATA, NÃO
A VERDE VIRGEM BEM QUE MERECE CONSIDERAÇÃO

NÃO TEM CULPA EU, NÃO TEM CULPA TU
NÃO TEM CULPA NINGUÉM
MAS CULPA TODO MUNDO TEM
SALVE A SELVA HOJE
PRA VIDA SALVAR TAMBÉM

“A PIRRALHA FAZ PIRRAÇA
E A BICA ENTRA NA GRAÇA”
A GRETA QUER VER PAU EM PÉ
A BICA ABUNDA, BATE FORTE E BOTA FÉ
POIS PAU PEGANDO FOGO
SÓ QUEM QUER VER É MANÉ!

A HORA É ESSA PRA SALVAR O PLANETA
CHEGA DE PAPO, NÃO VEM COM MUTRETA
NÃO ENTRA NESSA DE QUEBRAR O GALHO
SE NÃO, ORA POIS, VÁ PARA CASA DO C’ARALIO

ENTRA NA BICA PRA NÃO SE QUEIMAR
A BICA É GRANDE, VOCÊ VAI GOSTAR
SÓ DÁ PRAZER E NÃO FAZ MAL
LEVANTA SUA BANDEIRA NESSE CARNAVAL!