Dr Pet – Ainda não foi provado que eles são capazes de contrair o coronavírus, mas os animais domésticos se tornaram vítimas colaterais do pânico em torno do surto que vem atingindo a população da China, onde foram registrados casos de abandono de animais por medo de que eles transmitam a doença.

Acredita-se que a transmissão em humanos do coronavírus em Wuhan tem relação com a compra e consumo de animais selvagens, e as autoridades decidiram suspender, pelo menos temporariamente, essas atividades.

Supostamente originado em um morcego, especialistas acreditam que haja um animal intermediário entre os mamíferos e as pessoas. Cientistas chegaram a levantar a hipótese de que esse animal seja o pangolim.

Esse “elo perdido” já havia levantado suspeitas. Mas o que gerou uma preocupação entre muitos dos donos de animais foram as palavras de Li Lanjuan, especialista do comitê nacional que investiga o coronavírus. Ela afirmou em entrevista recente que os animais domésticos que haviam sido expostos a focos epidêmicos também deveriam ser colocados em quarentena.