Wilker Barreto se desespera e processa toda imprensa amazonense na tentativa de tomar a cadeira de David Almeida

Por Almeida em 4 de maio de 2021 às 18:39 | Atualizado 4 de maio de 2021 às 18:39

Manaus (AM) – Cinco meses após ter sido derrotado nas urnas, o Deputado Estadual Wilker Barreto, que sonha em ter um espaço no executivo municipal, ainda não se contentou com a escolha feita pelo povo manauara. Frustrado com o resultado das eleições para Prefeito de Manaus, o deputado está processando a imprensa que expôs seus escândalos e do seu representante de chapa, Amazonino Mendes.

A dupla afirma, junto ao seu partido (Podemos), que os veículos Portal CM7 Brasil, Portal do Zacarias, A Crítica, entre outros, os desfavoreceram nas urnas e elegeram o atual prefeito, David Almeida. No entanto, o Juiz da 1ª Zona Eleitoral de Manaus, Rogério José da Costa Vieira, não acatou a argumentação dos requerentes, visto que se fez presente a liberdade de expressão consagrada pelo artigo 5º, inciso IV e art.220, caput, da Constituição Federal.

Além dos portais, o atual prefeito de Manaus, David Almeida e o vice-prefeito Marcos Rotta são citados no processo. Os requerentes ainda pediram para terem acesso as contas bancárias dos requeridos e quebra do sigilo telefônico dos mesmos. No entanto, o Juiz também não acatou estes pedidos, ao menos por ora.

Veja o documento: 

Até o prezado momento esta é mais uma tentativa falha de Mendes e Barreto de silenciar a imprensa e de tomar o lugar do atual prefeito David Almeida.  Atitudes como estas deixam claro que para os candidatos, a democracia só é respeitada quando os convém. O processo continua e as afirmações dos requerentes serão investigadas.

Veja o documento na íntegra:

Deixe seu comentário