Petista José Ricardo é condenado pela Justiça e deve pagar R$ 40 mil de danos morais à Samel

Por Letícia Caxias em 13 de setembro de 2021 às 17:37 | Atualizado 13 de setembro de 2021 às 17:37

Manaus – O deputado federal José Ricardo (PT) foi condenado pela Justiça do Amazonas e deve pagar R$ 40 mil em um processo cível movido por Beto Nicolau, presidente da empresa Samel.

A ação foi impetrada por Beto Nicolau durante as eleições de 2020, em que José Ricardo acusou levianamente o presidente da Samel de divulgar informações incorretas sobre as mortes por Covid-19. 

À época, o petista foi obrigado pela Justiça a dar direito de resposta a Beto Nicolau em suas redes sociais, e em julho deste ano condenado a pagar R$ 5 mil em uma ação de danos morais, em uma sentença proferida pelo juiz Cássio André dos Santos, da 1ª Vara do Juizado Especial de Manaus

Para ler a sentença condenatória na íntegra, clique aqui.

Após a condenação em primeira instância, José Ricardo, certamente ciente de sua culpa, não recorreu da sentença, e apresentou apenas contrarrazões, isto é, não acrescentou nada à sua defesa que pudesse mudar o cenário para ele.

As contrarrazões na íntegra podem ser lidas aqui.

Entretanto, Beto Nicolau decidiu levar o processo à segunda instância, e agora pede que o valor da indenização seja de R$ 40 mil. De acordo com o presidente da Samel, este valor deve ser direcionado ao Grupo de Assistência à Criança com Câncer (GACC-AM).

Deixe seu comentário