Manaus – A Secretaria de Saúde do Amazonas (Susam) ofereceu, no primeiro dia do programa “Muda Manaus” no Monte das Oliveiras, consultas médicas com especialistas, serviço inédito no programa. Os moradores consultados durante a ação já conseguem marcar exames através do Sistema de Regulação (Sisreg) ao final da consulta.

Além do atendimento com clínico geral, oftalmologista e ginecologista, a Susam realiza exames como preventivo, ultra-sonografia e tipagem sanguínea; testes rápidos de HIV e sífilis; entrega de óculos após consulta com oftalmologista; e ainda tratamento odontológico, avaliação da saúde bucal e preventivo de câncer bucal. No sábado (07/03), a secretaria oferecerá consulta com dermatologista das 8h às 14h.

“A adesão aos serviços é muito grande. Estamos com serviços de oftalmologia aqui e vai ter também entrega de óculos, dependendo do grau. Estamos também com atendimento clínico que, de lá, eles já são encaminhados diretamente para o Sisreg para a marcação de exames. Estamos também com serviços de exames, como ultra-sonografia e, preventivo. Além disso, estamos com a parceira do Hemoam pra tipagem sanguínea. No estacionamento, estamos também com o ônibus fazendo testes rápidos de HIV e Sífilis, duas carretas, a Carreta da Mulher com o serviço de preventivo e o serviço de ultra-sonografia e a Carreta da Odontologia”, contou a coordenadora da Susam Erlane Oliveira.

A orientação sobre prevenção de doenças como o coronavírus, dengue, zika, síndrome gripal e zoonoses foi feita pela Fundação de Vigilância em Saúde (FVS). Durante os três dias de programação, a instituição participa do “Muda Manaus” com a exposição do ciclo biológico do Aedes aegypti em fase de larva, pupa e adulta; exposição de morcegos, roedores e cobras; e atividades lúdicas e pedagógicas voltadas para prevenção.

De acordo com o técnico de educação em Saúde e agente de endemias da FVS, Aldejacy Cordeiro, a informação é um dos mecanismos para a prevenção de doenças.

“Estamos aqui trazendo esclarecimento, a informação como forma de prevenção, forma de cuidado para que realmente a população tenha conhecimento e esclarecimento de como agir diante de qualquer situação que encontre dentro da sua casa, na escola, na comunidade. Estamos aqui com exposição de morcegos que transmitem a raiva humana, roedores, e nós estamos também trazendo um material novo sobre a síndrome gripal, H1N1 e do próprio Coronavírus. Estamos aqui trazendo para a população essa informação para que haja uma prevenção, um cuidado e uma forma de higienização para poder evitar qualquer tipo de endemias”, explicou Cordeiro.