Empresário denuncia Betinha Valeiko e Duda Ramos no maior esquema de corrupção na gestão do Arthur Virgílio

Por Letícia Souza em 1 de novembro de 2021 às 23:05 | Atualizado 1 de novembro de 2021 às 23:05

Manaus – Uma denúncia fortíssima relata o possivelmente maior caso de corrupção arquitetado dentro da Prefeitura de Manaus, durante a gestão de Arthur Virgílio, entre os anos 2016 a 2020.

Um empresário revelou um suposto esquema liderado pela ex-primeira dama da capital amazonense, Elisabeth Valeiko, juntamente ao proprietário da empresa DR7 Serviço de Obras de Alvenaria Ltda, Duda Ramos. As informações são de que a dupla arrastava 30% de todo o investimento que empresários faziam no executivo muncipal.

“Ela [Betinha] levava um percentual bem alto do empresário para manter o empresário (sic) na gestão do Arthur”, disse o denunciante.

Veja trecho da acusação:

Amanhã, terça-feira (2), maiores detalhes sobre a maracutaia de Betinha e Duda virão a público, em um vídeo completo divulgado pelo Portal CM7 Brasil.

Leia mais:

Esposa de Arthur Neto, ‘Betinha’, mãe de Alejandro Valeiko, poderá ser suplente ao Senado

Após matéria do jatinho, Arthur Virgílio e ex-secretária Kellen contratam milícia digital para atacar dona do CM7 

Arthur e ‘Betinha’ esnobam manauaras postando foto em jatinho de luxo e internautas não perdoam: ‘Com dinheiro público dá pra fazer’

Deixe seu comentário