Dermilson Chagas é derrotado na justiça ao tentar impedir o Governo do Amazonas de entregar o Auxílio Estadual

Por Bruno Almeida em 14 de setembro de 2021 às 7:28 | Atualizado 14 de setembro de 2021 às 7:28

Amazonas –  O Tribunal de Justiça do Amazonas não acatou a Ação Popular requerida pelos advogados do deputado estadual Dermilson Chagas (sem partido), que tentava impedir que o Governo do Estado distribuísse o auxílio financeiro permanente para 300 mil famílias em situação de vulnerabilidade social. 

Indeferida no dia 27 de agosto pela juíza Etelvina Lobo Braga, da 3ª Vara da Fazenda Pública, a Ação Popular (n. 0704979-41.2021.8.04.0001) foi ingressada na Justiça Estadual por Dermilson Chagas no dia 11 de agosto. Nela, o deputado pedia o cancelamento da entrega dos cartões do Auxílio Estadual, pois, segundo ele, o governador estaria utilizando do programa social para se autopromover e se reeleger. 

Diante disto, Dermilson ignorou a fome alheia e os impactos da pandemia, e tentou barrar a ajuda do Governo a essas famílias. No entanto, a justiça não acatou o pedido do deputado e manteve o programa Auxílio Estadual.

Inclusive nesta última segunda-feira (13) o Governador do Amazonas, Wilson Lima, anunciou o pagamento do auxílio de forma permanente. 300 mil famílias de baixa renda de todo o estado receberão o valor mensal de R$150, para a infelicidade do deputado Dermilson Chagas.

Deixe seu comentário