De saco cheio da política, Rebecca Garcia quer fica em casa, cuidando da família

Por Redação Lima em 25 de março de 2021 às 15:07 | Atualizado 25 de março de 2021 às 15:07

Manaus (AM) – Sem projeto político para 2022 e engajada em projetos pessoais na área da bioeconomia, a ex-deputada federal Rebecca Garcia deixará o Partido Progressistas. Rebecca confidenciou que o partido, hoje, não abriga mais as causas que foram cruciais quando recebeu convite para se filiar.

Longe dos holofotes políticos desde 2018, quando foi candidata a vice-governadora na chapa de Amazonino Mendes (Podemos), Rebecca voltou a ser “ventilada” nos bastidores políticos como possível candidata em 2022.

A ex-deputada declarou que não há a mínima possibilidade, no momento, de se filiar em outro partido pensando nas eleições do próximo ano. “Estou totalmente focada nos meus projetos pessoais, me afastei bastante do partido”, disse.

Sobre pedir desfiliação do Progressistas, Rebecca garantiu que pedirá desligamento, mas não para ingressar em qualquer outra sigla.

“Hoje, não me enxergo mais no Progressistas. Não é mais o partido que me filiei. Naquela época, existia um projeto para que as mulheres ocupassem mais espaço na política.

Abracei o projeto, tanto que fui eleita deputada federal”, lembrou sobre o convite feito pelo ex-senador Francisco Dornelles.

Rebecca contou que segue se dedicando aos negócios da família, mas também tem investido em projetos pessoais na área da bioeconomia.

Com informações de O Poder

 

Deixe seu comentário