Ex-secretário de Turismo de Presidente Figueiredo, Alexandre Lins é denunciado por assédio - Portal CM7 - Notícias de Manaus e Amazonas
Manaus - Amazonas - 05:16
19 de Junho de 2019

Topo


Ex-secretário de Turismo de Presidente Figueiredo, Alexandre Lins é denunciado por assédio


Amazonas- O ex-vereador e  ex-secretário Municipal de Turismo, Empreendedorismo e Comércio de Presidente Figueiredo, Alexandre Bezerra Lins, foi denunciado no dia 2 deste mês por assédio moral pela promotora Romina Carmen Brito Carvalho. O caso foi parar na Justiça em setembro do ano passado depois que a ex-servidora pública Kamila Fernanda Alves de Almeida, 30 anos, registrou Boletim de Ocorrência na Delegacia Especializada em Crimes Contra a Mulher e na 37ª Delegacia Interativa de Polícia, do município.

Caso o do município, juiz Odílio Pereira Costa Neto,  aceite a denúncia do MP, Alexandre Lins será réu.

O ex-parlamentar foi denunciado pela representante do MP no artigo 216-A, do Código Penal Brasileiro que diz: “Constranger alguém com o intuito de obter vantagem ou favorecimento sexual, prevalecendo-se o agente da sua condição de superior hierárquico ou ascendência inerentes ao exercício de emprego, cargo ou função. Pena – detenção, de 1(um) a 2 (dois) anos”.

Entenda o caso

A denúncia de assédio moral veio à público no dia 4 de setembro, o Boletim de Ocorrência registrado no dia 22 de agosto, na Delegacia Especializada em Crimes Contra a Mulher, onde o acusado, que é ex-vereador de Presidente Figueiredo, Alexandre Lins.

De acordo com relatos da vítima no BO, que terá nome preservado para evitar represália, Alexandre Lins, tem pedido a ela fotos suas sensuais. A servidora informa ainda no boletim, que o fato vem se repetindo já há algum tempo.

Em uma das mensagens enviada via WhatsApp, Alexandre Lins diz: “Eu quero uma foto sua no banho bem sensual”. A servidora responde: “Eu acho que vc mandou a mensagem para a pessoa errada”.

Alexandre Lins, não para por ai e ainda diz mais: “É para vc índia morena cor de jambo. Vc hoje dava uma capa de revista”.

 

Com informações Portal Fato Amazônico

Deixe seu like:

FAÇA SEU COMENTÁRIO SOBRE ESTA NOTÍCIA