Vazante começa prejudicar comércio e Benjamin Constant decreta situação de emergência

Por Meriane Jeffreys em 13 de setembro de 2021 às 9:16 | Atualizado 13 de setembro de 2021 às 9:16

Amazonas – O município de Benjamin Constant distante a 1500 km de Manaus, decretou situação de emergência neste domingo (12)  por conta da vazante dos rios Solimões e Rio Javari. 

Segundo a prefeitura do município, por causa do fenômeno natural, Benjamin Constant, começou a  ser prejudicada no comércio. Principalmente porquê o transporte dos alimentos acontece por meio de embarcações vindas da cidade de Manaus. 

Com isto, o município deverá iniciar uma estratégia já nas próximas horas, para sobreviver aos caos causado pela vazante neste ano de 2021.

Deixe seu comentário