CM7

 
Manaus, 23 de outubro
Mercado financeiro
Dólar
Euro
 
 
Home / Amazonas / PIM / Secretário das Finanças argentino encontrará credores em NY, diz agência

Secretário das Finanças argentino encontrará credores em NY, diz agência

Da redação | 10/06/2016 20:10

BUENOS AIRES – O secretário das Finanças da Argentina, Luis Caputo, viajará a Nova York no fim de junho para se reunir com alguns dos credores remanescentes do calote de 2001, segundo fonte próxima ao assunto consultada pela Bloomberg.

Caputo encontrará gerentes de fundos que reivindicam pagamentos dos títulos com estatuto de limitação expirada, uma disposição que especifica o prazo em que os títulos inadimplentes podem ser pagos, disse a fonte sob condição de anonimato. O governo debaterá a legalidade do pagamento, mas manterá o acordo oferecido em fevereiro, segundo o jornal argentino “Diario BAE”, que relatou primeiro a viagem.

Os credores remanescentes estão entre os últimos que ainda estão na Justiça americana após o país fechar acordo com outros fundos, liderados pelo bilionário Paul Singer, depois de décadas de litígio. O país vendeu US$ 16,5 bilhões em títulos em sua abertura após 15 anos afastado dos mercados internacionais. Parte do montante foi usada para pagar os detentores de títulos conforme os acordos.

O ministro das Finanças da Argentina, Alfonso Prat-Gay, afirmou na apresentação de uma lei de dívida em março que a Argentina não fará ofertas cobertas de títulos que tenham excedido o estatuto de limitação ou estiverem prescritos. A oferta de troca geral da Argentina em fevereiro mencionava que títulos prescritos não seriam aceitos, mas não especificava que títulos entravam nessa categoria.

O governo estima que haja US$ 350 milhões de títulos em default em circulação sob jurisdição de Nova York, segundo o “BAE”. No fim de junho, Prat-Gay também viajará a Nova York para uma mesa redonda com investidores.

Anuncie em Nossas Pesquisas
Anuncie em Nossas Pesquisas

FAÇA SEU COMENTÁRIO SOBRE ESTA NOTÍCIA