Manaus – Dulcinéia Ferreira Lima, de 51 anos, conhecida como ‘Baiana’, encontrada morta e decapitada junto com o seu filho Yuri Lima Ramos, de 19 anos, na manhã desta quinta-feira (17), era esposa de Francisco Pereira, de 53 anos, morto em fevereiro deste ano. 

Relembre a morte do Cacique

Francisco Pereira, de 53 anos, era cacique da Etnia Tukano e morava na comunidade Urukia, na Zona Norte de Manaus, onde foi morto a tiros. A casa teria sido invadida pela madrugada da quarta-feira, 27 de fevereiro de 2019.  Na ocasião, homens encapuzados entraram na casa e atiraram contra Francisco, na época, a esposa e a filha de 11 anos assistiram o crime.

Fotos homicídio mãe e filho