‘Filhinhos de papai’ armam milícia digital para perseguir Portal CM7; veja

Por Letícia Souza em 12 de outubro de 2021 às 20:58 | Atualizado 13 de outubro de 2021 às 12:58

Manaus – O regulamento interno dos jornalistas assegura que o profissional tem o dever de informar a sociedade acerca dos fatos que sejam de utilidade pública, dentre eles a mobilidade urbana.

Cumprindo este dever, o Portal CM7 Brasil anunciou um acidente de trânsito gravíssimo ocorrido na tarde desta segunda-feira (11), que teve como vítima um jovem da alta sociedade manauara. A cobertura jornalística não agradou a classe A, da qual ele faz parte.

Um amigo da família do acidentado, identificado como Sérgio Endy, direcionou diversas ameaças contra o Portal CM7, que estava apenas realizando seu papel de informar. A partir disso, a empresa de comunicação passou a ser alvo de uma milícia digital formada por Sérgio, que tem como finalidade derrubar a página do Instagram do portal de notícias, que acumula mais de 118 mil seguidores.

Além do homem, uma jovem identificada como Gabriella Cordeiro integra o grupo de inconformados com a veiculação dos fatos sobre o acidente. Por conta da busca por holofotes nos escândalos alheios, a mesma é apontada por internautas como “biscoiteira”, ou até mesmo como quem quer “um voucher no Barollo”.

 

‘Filhinha de papai’, que leva vida de futilidades expostas em rede social, não tem perspectiva de ajuda ao próximo e decidiu comprar briga com o CM7 Brasil.

As ameaças circulam desde a tarde de ontem, nas quais são feitos pedidos públicos para que a conta do Portal CM7 Brasil seja denunciada. Esta prática configura mais um episódio de tentativa de censura à imprensa.

Diante disso, a conclusão a que se chega sobre a série de ataques é que o grupo queira usar do poder aquisitivo para intimidar as equipes de reportagem, visto que não conseguiu comprar o silêncio do CM7, mesmo com todo o suposto poder de influência do qual usufrui.

Censura

Art. 220: A manifestação do pensamento, a criação, a expressão e a informação, sob qualquer forma, processo ou veículo não sofrerão qualquer restrição, observado o disposto nesta Constituição .
§ 1º Nenhuma lei conterá dispositivo que possa constituir embaraço à plena liberdade de informação jornalística em qualquer veículo de comunicação social, observado o disposto no art. 5º, IV, V, X, XIII e XIV.

Leia mais:

‘Playboy’ ameaça Portal CM7 Brasil após cobrir acidente na Ponta Negra; veja

Deixe seu comentário