Manaus – O sócio proprietário da empresa Aruanã, Flávio Cândido e o presidente do Sifretam, Aldo Oliveira, estiveram presentes na sede da Agência Reguladora dos Serviços Públicos Concedidos do Amazonas (Arsam) , situada no boulevard Alvaro Maia, nº 2357, bairro Adrianópolis, zona centro-sul de Manaus, para explanar aos representantes do setor de transporte, do departamento comercial de tarifas e à diretoria técnica da autarquia sobre o desconto aplicado à passagem que compreende o trecho Careiro da Várzea – Careiro Castanho.

Na ocasião, a diretora-técnica da Arsam , Sissy Santos, afirmou que a empresa receberá um documento contendo os devidos pontos a serem esclarecidos sobre o desconto “A Aruanã deverá encaminhar à Agência Reguladora, para que o desconto de 11,93 reais do valor original de 26,93 , no período de 60 dias seja formalizado. Por isso, solicitamos que a empresa esclareça se o trajeto inverso, ou seja, Careiro Castanho- Careiro da várzea, também receberá o desconto. Especificar que o desconto não contempla as interseções contidas no decorrer do trajeto. Além de delimitar claramente o prazo da promoção e divulgar em lugar visível ao usuário e principalmente nos guichês de venda, todas as condições da promoção. A empresa deve encaminhar à Arsam este documento até a próxima sexta-feira (27/07)”, disse Santos.

De acordo com o sócio proprietário da empresa Aruanã, Flávio Cândido, a solicitação para que Arsam autorizasse o desconto, foi feita com amparo no artigo 24 da lei estadual 3006/2005, mediante a apresentação de um ofício em 13 de julho que descreve a queda de receita da empresa e as dificuldades de suprir os custos gerais.

Com informações da Assessoria