CM7

 
Manaus, 24 de outubro
Mercado financeiro
Dólar
Euro
 
 
Home / Amazonas / Interior / Equipe da DIP de Urucará prende presidente de comunidade daquele município denunciado por tentativa de homicídio

Equipe da DIP de Urucará prende presidente de comunidade daquele município denunciado por tentativa de homicídio

Da redação | 22/11/2016 18:14

A Polícia Civil do Amazonas, por meio da equipe de investigação da 45ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP), situada em no Município de Urucará no AM, prendeu na última segunda-feira, dia 21, por volta das 14h, na Comunidade Cafundó, zona Rural de Urucará, o presidente daquela  comunidade, o agricultor Enilson Santos da Costa, 42, denunciado por tentativa de homicídio ocorrida no último domingo, dia 20, em Urucará. A vítima, o autônomo Estelio Melo Gomes, tem 28 anos.

De acordo com o delegado titular da 45ª DIP, Jony Cledson Leão, que coordenou as diligências em torno do caso, no dia do crime Enilson e Estelio estavam consumindo bebida alcoólica na Comunidade Cafundó quando se desentenderam. Na ocasião, o infrator teria efetuado um disparo de arma de fogo em direção a Estelio, que foi atingido nas pernas e no abdômen. Em seguida Enilson foi imobilizado por populares.
     “A vítima foi internada e teve que ser operada às pressas. Felizmente não corre risco de morte e o quadro médico é estável. Foram os populares que imobilizaram Enilson e o levaram até a delegacia, junto com a arma calibre 20 utilizada para cometer o delito. Tanto a vítima como o infrator não souberam explicar como tudo aconteceu, pois estavam embriagados”, ressaltou Jony Leão.
Conforme o titular da 45ª DIP, o homem não tinha antecedentes criminais e foi uma surpresa para a comunidade saber que o presidente foi o autor do crime. Enilson foi autuado em flagrante por tentativa de homicídio e encontra-se na carceragem da delegacia daquele município, aguardando decisão da Justiça.
Sob efeito de bebida
     No dia 13 de novembro deste ano, em Urucará, o agricultor Alaido Fonseca Reis, 44, cometeu o homicídio do professor de Matemática Adnaldo dos Santos Lima, que tinha 49 anos. O infrator foi preso na terça-feira, dia (15) desse mês por volta das 13h, no Porto de São Sebastião do Uatumã, durante ação conjunta envolvendo a equipe de investigação da 45ª DIP e servidores da Polícia Militar que atuam em São Sebastião do Uatumã.
     Segundo o delegado Jony Leão, no dia do crime Alaido e Adnaldo estariam consumindo bebida alcoólica na casa do professor e se desentenderam quando um deles teria trocado os copos que estavam utilizando. Na ocasião, o infrator teria desferido um golpe de faca no pescoço da vítima e, em seguida, empreendeu fuga.
     “Adnaldo não resistiu ao ferimento e foi a óbito. Populares nos procuraram para registrar a ocorrência e informaram que Alaido teria fugido para o município de São Sebastião do Uatumã após cometer o delito. Assim Que a polícia recebeu essa notícia deram início às diligências em busca do infrator”, explicou Jony Leão.

     Conforme o titular da 45ª DIP, Alaido foi interceptado pelas equipes policiais dentro de uma embarcação, no Porto de São Sebastião do Uatumã, município distante 13,57 quilômetros em linha reta de Urucará, onde aconteceu o homicídio.  Ele foi conduzido à 45ª DIP, onde foi autuado em flagrante por homicídio qualificado por motivo fútil. Ele segue preso na carceragem da unidade policial. 

Anuncie em Nossas Pesquisas
Anuncie em Nossas Pesquisas

FAÇA SEU COMENTÁRIO SOBRE ESTA NOTÍCIA