Manaus – Alunos do Centro Universitário Fametro denunciam que a instituição estaria praticando prática abusiva nos preços dos serviços oferecidos. De acordo com estudantes, a universidade estaria cobrando R$80 para aplicação de provas de 2ª chamada, sendo que no ano de 2018 o valor era de R$40, ou seja, houve um aumento de 50%.

Os estudantes também informaram que a instituição não comunicou os alunos antes do período de provas e que também não justificou o aumento no preço das provas de 2ª chamada. Esta já é a quinta denúncia contra a Fametro apenas em 2019.

Aguardamos a assessoria de imprensa da instituição para disponibilizar o direito de resposta, conforme Art. 1o da constituição federal, que diz respeito a disciplina do exercício do direito de resposta ou retificação do ofendido em matéria divulgada, publicada ou transmitida por veículo de comunicação social.