Mulher joga soda cáustica em bebê e é espancada até a morte

Uma mulher foi morta durante um linchamento, depois de jogar soda cáustica em um bebê e na mãe da criança na noite de sábado (11), na cidade de Anadia, interior de Alagoas.

De acordo com informações de testemunhas, a principal suspeita do crime foi identificada como Ana Luiza Caetano da Silva, de 40 anos. Ela teria jogado hidróxido de sódio – soda cáustica – no bebê, que sofreu queimaduras no rosto, graves lesões nos lábios, além de ter ingerido o produto e lesionado a garganta.  

A criança foi socorrida e levada para a uma unidade de saúde do município e, logo em seguida, transferida para a ala vermelha da Unidade de Emergência do Agreste (EU), em Arapiraca.

Ao saber do ato de crueldade, familiares do bebê e outros moradores da cidade espancaram a suspeita até a morte. Ela chegou a ser socorrida e levada para o Hospital Geral do Estado (HGE), mas não resistiu aos ferimentos causados pelas agressões.

A mãe do bebê também foi atingida e sofreu queimaduras. Ela não precisou ser internada e prestou depoimento na 6ª Delegacia de Polícia de São Miguel dos Campos.

ver mais notícias