Adolescente vítima de agressão morre após 30 dias internado no João Lúcio

Manaus – O adolescente Marlon Matos Pena, 17, morreu, nesta sexta-feira (23), após passar 30 dias internado no Hospital e Pronto Socorro João Lúcio, na zona leste, vítima de uma agressão, no Prosamim do bairro São Raimundo.

O corpo de Marlon, segundo dados do Instituto Médico Legal (IML), sofreu traumatismo cranioencefálico em decorrência da agressão sofrida no dia 23 de maio.

No IML, a família de Marlon não quis comentar o motivo da agressão.

O homicídio vai ser investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), que informou ainda não ter outros detalhes sobre o caso.

ver mais notícias